Ação e reação

15:40

Visitando muitos blogs sobre maternidade, achei o blog Mamãe Cristã, sugerindo uma blogagem coletiva para as blogueiras evangélicas. O tema proposto foi “Jesus mudou minha vida! Quer mudar a sua também!”. Sou cristã, ainda não batizada na igreja evangélica, mas já tive meu encontro com Deus. E esse post é para testemunhar daquilo que Deus fez na minha vida e na vida da minha família.

Antes de colocarmos “religião”, sempre comentei aqui no blog que meus pais tinham uma forma muito rígida de educação. Namorar era só depois dos ...... não tinha idade limite, tinha o tempo que eles queriam dar; eu nunca pude sair a noite, embora eu não gostasse de “balada”, eu tinha até a meia-noite para chegar em casa das festinhas ou depois com o Ramon; nunca fumei (embora na adolescência demonstrei interesse em experimentar), nunca ingeri bebida alcoólica e mesmo assim sabia que se os fizesse levaria bronca. O único motivo que dei para ficarem bem tristes, a ponto de me mandarem de castigo foi quando disse que não gostava de estudar. Ah, já menti muuito! Menti que ia bem na prova e na verdade tinha ido super mal; mentia que não tinha lição de casa e tinha muita; mentia mesmo, coisas bem bobas, mas mentia. Tanto mentia que estava grávida de quase quatro meses e insistia em dizer que era virgem (dããããã... mentira tem perna curta Marcella).

Quando eu soube que estava grávida, tomei uma decisão imediata que não houve um só dia que eu não pense nisso: tentarei ser a mais correta possível. Não sou santa, mas procuro a cada dia minha santidade. Só que eu não roubava, não matava, não mentia, não adulterava, mas vivia com um homem que não era meu marido. Eu estava amasiada com meu namorado. Tinha relações sexuais com meu namorado. Ora, toda a minha busca pela santidade caía por terra a cada vez que me relacionava com ele.

Paralelo a essa situação, devido a todas as circunstâncias, o Ramon precisou trancar a faculdade de Engenharia Mecânica numa faculdade particular daqui de Curitiba, o valor mensal era de R$1.750,00, e para nós, era um gasto que pesava no nosso orçamento. Vivemos da renda de imóveis que o falecido pai do Ramon deixou para ele. E não é muita coisa, na verdade, é bem pouca coisa. Soubemos que para ingressar na UTFPR – Universidade Tecnológica Federal Paraná (antigo CEFET), era preciso fazer o ENEM – Exame Nacional do Ensino Médio e da nota do ENEM, você se inscreve e os melhores classificados passam no vestibular da UTFPR. Ok, Ramon fez ENEM um ano e não passou, ano passado (2010) ele tentou novamente. Fez a inscrição para a UTFPR e esperou as chamadas.

Nunca consegui chamar o Ramon de “marido” durante todo o período que moramos juntos, ele sempre foi meu “namorado”. E isso me incomodava. Decidimos dar entrada na papelada para o casamento no civil. Primeiro veio a dificuldade de juntar as certidões de nascimento atualizadas (ele foi registrado em Palmeira-Pr). Papelada pronta era hora de ir ao cartório. Descobrimos que para se casar, primeiro é preciso ver qual o tipo de separação e pagar de acordo com a separação. Nesse momento, precisávamos casar, então optamos pela mais barata. Na semana que decidimos dar entrada, surpresa, não tínhamos dinheiro! Esperamos alguns dias e juntamos a grana. Era uma sexta-feira. Na segunda-feira seguinte, os cartórios subiram a tabela em 47% (eu acho se não foi mais). Milagre de Deus!

Marcamos a data do casamento para 03 de março de 2011, mesmo dia em que minha mãe se formou e o dia do aniversário da minha irmã. Fomos comprar as alianças e, surpresa, não tínhamos dinheiro! Minha mãe deu a aliança dela para mim e o Ramon comprou somente a dele numa joalheria beeem baratinha. Chegou o grande dia. Era uma quinta-feira. Eu mal acreditava que iria me casar. O Juiz de Paz falou coisas bem legais, e nos declarou marido e mulher. Aleluia, agora éramos uma família. Eu tinha o mesmo sobrenome da minha filha (isso era outra coisa que me deixava mal).

No sábado o Ramon foi trabalhar no estúdio, o O.Z. Sound Studio e eu fiquei na minha mãe. Fui visitar a tia Lu que mora no apartamento da frente quando toca meu celular, era meu marido!

- Amor, eu passei!

- Passou aonde? Na frente da onde amor?

- Não amor, eu passei!

- Passou no que?! Aonde você ta?

- Amor, eu passei no vestibular. Passei na nona chamada da UTFPR. Passei em Engenharia Elétrica (foi a segunda opção dele). Eu passei.

Eu desabei no chão de tanto chorar. Oh glória Deus! Isso chama-se milagre! Presente divino. Que benção! Foi o único e melhor presente de casamento que ganhamos!

Essa experiência de vida só nos aproximou como família e com Deus. Hoje estamos comungando numa Igreja Batista que tem sido benção nas nossas vidas. Hoje aprendemos que uma família precisa de Deus, que o casal precisa ter Jesus no coração para se respeitar, se amar, se valorizar e os filhos serão bênçãos!

Ainda não estamos na terra prometida, mas temos a certeza da vitória. Não está sendo fácil, estamos enfrentando muitas lutas, principalmente financeira, mas estamos firmes e cremos que Deus jamais dá uma cruz maior do que aquela que podemos carregar.


"Vale mais o pouco que tem o justo, do que as riquezas de muitos ímpios. Pois os braços dos ímpios se quebrarão, mas o SENHOR sustém os justos. O SENHOR conhece os dias dos retos, e a sua herança permanecerá para sempre. Não serão envergonhados nos dias maus, e nos dias de fome se fartarão. Mas os ímpios perecerão, e os inimigos do SENHOR serão como a gordura dos cordeiros; desaparecerão, e em fumaça se desfarão. O ímpio toma emprestado, e não paga; mas o justo se compadece e dá. Porque aqueles que ele abençoa herdarão a terra, e aqueles que forem por ele amaldiçoados serão desarraigados. Os passos de um homem bom são confirmados pelo SENHOR, e deleita-se no seu caminho. Ainda que caia, não ficará prostrado, pois o SENHOR o sustém com a sua mão. Fui moço, e agora sou velho; mas nunca vi desamparado o justo, nem a sua semente a mendigar o pão. Compadece-se sempre, e empresta, e a sua semente é abençoada. Aparta-te do mal e faze o bem; e terás morada para sempre. Porque o SENHOR ama o juízo e não desampara os seus santos; eles são preservados para sempre; mas a semente dos ímpios será desarraigada. Os justos herdarão a terra e habitarão nela para sempre. A boca do justo fala a sabedoria; a sua língua fala do juízo. A lei do seu Deus está em seu coração; os seus passos não resvalarão. O ímpio espreita ao justo, e procura matá-lo. O SENHOR não o deixará em suas mãos, nem o condenará quando for julgado. Espera no SENHOR, e guarda o seu caminho, e te exaltará para herdares a terra; tu o verás quando os ímpios forem desarraigados. Vi o ímpio com grande poder espalhar-se como a árvore verde na terra natal. Mas passou e já não aparece; procurei-o, mas não se pode encontrar. Nota o homem sincero, e considera o reto, porque o fim desse homem é a paz. Quanto aos transgressores, serão à uma destruídos, e as relíquias dos ímpios serão destruídas. Mas a salvação dos justos vem do SENHOR; ele é a sua fortaleza no tempo da angústia. E o SENHOR os ajudará e os livrará; ele os livrará dos ímpios e os salvará, porquanto confiam nele.                                             Salmo 37: 16-40



VEJA MAIS POSTS SOBRE

7 comentários

  1. Oi Marcella, adorei o comentário sobre a importância da religião. Sou católica e também pertenço ao Senhor Jesus! Tenho várias amigas evangélicas e ate oramos juntas. O fundamental é ter fé e entregar nossa vida ao Senhor! Também já fui abençoada com vários milagres na minha vida principalmente a cura do câncer da minha mãe que já estava desenganada. Ao Senhor, toda honra e toda gloria na minha vida! Bjs Telma

    ResponderExcluir
  2. Marcella, adorei seu post!!! Acho que me perdi no meio do caminho e estou precisando me encontrar e encontrar o PAI!

    Ahhh... passa lá blog, tem um seliho para vc lá... bjus...

    ResponderExcluir
  3. Marcella, obrigada pelos elogios e pela dica! Vou promover um sorteio aqui em breve! Só tô precisando de tempo... rsrsrs...
    bjusss...

    ResponderExcluir
  4. Oláaa Marcella , adorei seu cantinho viu, retribuindo a visitinha que vc nos fez, seguindo desde já , um xerãooo em vcs...

    ResponderExcluir
  5. Marcella, copie a imagem do selinho na minha página, daí faça um post, coloque esse selinho nele, fale 7 coisas aleatórias sobre vc e indique até 10 amigas para ganharem o selinho tb...
    bjussss...

    ResponderExcluir
  6. Oi Marcella
    que lindo testemunho!
    Me emocionei muito, que vcs tenham um casamamento maravilhoso, e que Deus abençoe vocês mais e mais!
    Beijos querida

    ResponderExcluir
  7. Oi Má,
    Vc me fez rir mto com a historia da virgindade....hehehe só vc msm!
    Olha, não preciso dizer que vc é uma benção néh! Esse é só o começo de uma vida de muitas vitórias viu.
    Deus abençoe vcs sempreeee!!
    Bjos

    ResponderExcluir

Obrigada! Seu comentário é muito importante para o crescimento do blog. Para quaisquer dúvidas e sugestões, mande um email para contato@mamaedesalto.com

Beijos, Má

Importante

Importante

Seguidores

© MAMÃE DE SALTO - 2016. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.