Afinal, é todo dia!

17:30


Olá mamães, tudo bem!? Eu espero que sim!!

Para não dizer que num blog feminino onde quem escreve é uma mamãe não teve post sobre o segundo domingo do mês de maio, antes de qualquer coisa vamos desejar um feliz dia das mães para as mamães.

Eu amo ganhar presentes, se pudesse escolher ganharia um presente todos os dias, seja um tabletinho de laka, um batom da MAC, um brinco da Maria Chica ou um tênis Adidas ... o importante é ganhar algo que você quer muito e não precisa comprar, simples e deliciosamente assim. Acontece que desde que inventaram que algumas datas foram criadas no intuito de aumentar as vendas no comércio, tudo perdeu o sentido, a lógica eeeeeeee encontrou apenas a desculpa de que essa é a data que a gente tem para “lembrar”, “agradecer” e consequentemente “presentear” uma pessoa muito especial. O que, vai dizer que você dá presente mensalmente para seu pai ou espera o segundo domingo do mês de agosto para fazer isso!?

Acho muito interessante essa tal de competição materna, e pior que conversando com a minha mãe dias atrás ela me explicou que, por causa dessas irritante mania é que ela odiava ir em reuniões da escola e, muitas vezes nas apresentações.

Próximo ao dias das mães e começam as matérias sobre os “tipos de mãe” –OI?! –, afinal, uma mãe que tem seu filho gerado em seu ventre é diferente da mãe que adota uma criança e ambas são diferentes de uma avó que cria seus netos no lugar da mãe. Onde é que está escrito que mãe é mais mãe ou menos mãe por determinada situação!?

Eu imaginava que eu seria mãe e que isso seria um sentido normal, natural da minha vida: me formar na faculdade, casar, consolidar a carreira e engravidar ... simples assim. Além de ter vivido completamente diferente daquilo que um dia imaginei, descobri que havia dentro de mim um sentimento e uma vontade incrível de ser apenas mãe, embora o primeiro ano de vida da minha filha tenha sido um dos piores momentos da minha vida e em grande parte ter apagado da minha memória. Vai entender né!? Posso culpar os hormônios?!

Ainda não consigo entender qual o sentido de que muitas mães usem os filhos como uma espécie de monstruário de como sou uma boa mãe. Existe a competição de quem dorme mais ou quem dorme menos; quem engordou mais na gestação e quem engordou menos; até na azia tem a competição ... sem falar no pré natal, enxoval, nascimento e, daí vamos para um outro nível: parto normal, amamentação, escola, eletrônicos, alimentação ... isso tudo vale pontos numa competição estranhamento esquisita e que faz você ter uma graduação no sistema de mãe, afinal, mais pontos te fazem ser mais mãe. A dúvida que não quer calar é: quem inventou isso e quem criou os critérios do que é certo e/ou errado, o que é bom e/ou ruim.

Minha vida nunca foi fácil, principalmente na questão financeira ... então me lembro que todos os anos fazimos um café da manhã para minha mãe e, nem sempre havia presente.

Quando sai de casa e tinha minha própria família, sempre deixei claro pro papis que queria meu café na cama, mas isso pode, e deve, ser feito sempre que possível ... a diferença é que no dia das mães vem acompanhado de atividades feitas na escola.

Meu café da manhã se resume numa caneca de leite quentinho e torradas, pães de queijo ou um pedaço de bolo. O importante é me sentir querida, principalmente quando a mãe é ~geralmente~ a primeira a levantar para fazer isso sempre para os outros.

dia das mães é todo dia ... blog Mamãe de Salto

Presente, daqueles comprados no shopping ... ah anos não tenho! O ultimo que me lembro, há uns quatro anos eu comprei tudo com aquela desculpa que “depois eu pago a fatura do cartão” e até agora nada. Ano passado ganhei uma caneca para o leite quentinho, e detalhe, a caneca veio uns vinte dias pós domingo, foi quando tinha $$ “sobrando”. Esse ano a coisa ficou só em usar a caneca do ano passado mesmo.

A maior diferença desse ano foi que eu não recebi o café da manhã na cama da minha filha ... recebi do papis e do meu filho peludo. Meu maior e melhor presente foi “dividir” a Gatoca com quem eu precisaria dar um grande e majestoso presente: minha mãe. Sophia dormiu com os avós e fez toda e linda surpresa para minha mãe. Calma, deixa eu tirar uns ciscos que caíram nos meus olhos. Pois é, o único presente que poderia dar à minha mãe nesse dia foi dar minha filha para ela ter o privilégio de continuar a ter o seu café da manhã.

Eu me incomodo com muitas coisas que vejo/leio por aí. Sábado foi apresentação do dia das mães da escola da Gatoca e via mães que estavam ali irritadas por perder o sábado a tarde, mas via também mães que enfeitavam seus filhos como verdadeiras árvores de Natal para que chamassem a maior atenção. Se o filho fica na fileira de trás na apresentação é motivo de reclamar com a direção afinal, aonde a mãe sentou não era perto na frente do filho ... mas também havia quem só faltava pedir que a luz estivesse focando apenas no filho pois esse sim é digno de fazer um solo.

Tá eu sei, o dia das mães é meu ... mas é aí que eu penso que dia das mães não pode ser apenas pensando, celebrado, vivido nesse segundo domingo, eu sou mãe todos os dias e noites! Eu que eduquei, chamei a atenção e coloquei de castigo para ela ser essa “fofura” que você conhece. Sou eu quem passou noites em claro na hora das febres, que acordou na madrugada para dar medicamento e deu colo quando ralou o joelho. A mamãe aqui que entende desde os primeiros dias o motivo dos choros, o que queria mesmo antes de falar, quando estava feliz, sono, triste, cansada ... apenas mamãe sabe essas coisas.

Eu ganho presentes diariamente ... a cada abraço quando chega da escola e me chama de mamãe é como um batom; a cada nota alta na prova é como uma viagem para o exterior; a cada beijo e abraço é um acessório; a cada conversa de mãe e filha é uma peça de roupa; a cada sono é a realização de um sonho.

dia das mães é todo dia ... blog Mamãe de Salto

Eu tenho sim o melhor dia das mães do mundo ... afinal, para mim, dia das mães é sim todo dia!

dia das mães é todo dia ... blog Mamãe de Salto

facebook  ~  twitter  ~  instagram  ~  youtube  ~  app  ~  pinterest


beijos e comenta,

VEJA MAIS POSTS SOBRE

2 comentários

Obrigada! Seu comentário é muito importante para o crescimento do blog. Para quaisquer dúvidas e sugestões, mande um email para contato@mamaedesalto.com

Beijos, Má

Importante

Importante

Seguidores

© MAMÃE DE SALTO - 2016. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.